Tecnologia e inovação: Segurança rural de Goiás é reforçada com o uso de drones

Patrulha Rural Georreferenciada e apoio da ação policial por meio do uso de drones são algumas novidades implantadas pelo Governo de Goiás para garantir a segurança na zona rural

A aposta em mecanismos modernos, capazes de dar suporte às equipes das forças policiais, para garantir a segurança e coibir ações criminosas tem sido um grande diferencial da atual gestão do Governo de Goiás. Recentemente, o governador Ronaldo Caiado e o secretário de segurança pública Rodney Miranda inauguraram o Centro de Comando e Controle Rural, que está atuando de forma coordenada com o igualmente recém-criado Batalhão de Polícia Militar Rural. As entregas se tornaram referência nacional em inovação no modelo de segurança no campo.

A tecnologia desenvolvida em Goiás teve como inspiração aquela usada pelo Governo Federal em grandes eventos, como a Copa do Mundo e as Olimpíadas realizadas no Brasil. A Secretaria de Segurança Pública do Estado aperfeiçoou e adequou a tecnologia para a realidade do campo. Um total de 13 mil imóveis já está cadastrado, e o objetivo é alcançar toda a zona rural, com todas as propriedades georreferenciadas e conectadas ao Centro de Comando e Controle Rural.O Comando fará o monitoramento de todas as propriedades rurais 24 horas por dia e coordenará as ações de policiamento em tempo real, e por todo o Estado. Tudo foi idealizado e concretizado para dar mais segurança aos produtores rurais e demais pessoas que vivem no campo.

De acordo com o titular da SSP, a proteção das pessoas que vivem no campo finalmente se tornou uma política de governo. “Infelizmente, a segurança da população rural foi negligenciada no passado. Havia uma falsa visão de que crimes eram cometidos apenas nas cidades. Esta realidade tem mudado, com o tráfico de drogas chegando ao campo, assim como o aumento do interesse de quadrilhas especializadas em roubo de gado e de maquinário agrícola. A realidade, a partir de agora, será outra, uma vez que o atual governo tem compromisso em garantir mais segurança em todas as áreas de Goiás, e já tem conseguido bons resultados desbaratando quadrilhas e solucionando crimes no campo ocorridos no passado”, ressalta o secretário, que destaca ainda a importante integração com a Polícia Civil.

Alguns dos suportes oferecidos ao trabalho de policiamento ostensivo são drones e viaturas de Patrulha Rural Georreferenciada – 100 já estão circulando em todo o território goiano. Os veículos são no estilo pick-up de cabine dupla de uso on e off-road, com alto desempenho e são dotados de tecnologias para uso no policiamento. Todos eles possuem tração 4×4, com motorização a diesel.

Diversas ações de planejamento estratégico e inteligência estão sendo realizadas pelo Centro de Comando e Controle Rural para otimizar, por meio de uma rede de proteção, a segurança no campo. “Todas as regiões do Estado serão atendidas. Foi promovido um mapeamento das propriedades rurais e está sendo realizado um monitoramento em tempo real. Assim, a patrulha mais próxima conseguirá atender ocorrências de forma mais ágil”, explica o secretário de Segurança Pública, Rodney Miranda.

As inovações que foram incorporadas aos projetos de segurança são tão avançadas que chamaram atenção de autoridades de outros estados brasileiros e até mesmo de fora do País. Exemplo disso é que o Centro de Comando e Controle Rural foi visitado por representantes da Colômbia e do Japão em busca dessa tecnologia e estratégia de atuação. “Temos aqui parceiros de Brasília, temos vários outros estados nos procurando para trazer um pouco de experiência e para levar o nosso know how para que toda a população brasileira seja atendida nessa demanda que foi, por muitos anos, esquecida pelos gestores públicos”, explica o comandante-geral da Polícia Militar, coronel Renato Brum.

Para o governador Ronaldo Caiado, a atenção à segurança no campo é necessária. Goiás tem o agronegócio como principal eixo econômico e precisa garantir policiamento em todos os cantos do Estado, principalmente àqueles que são os principais responsáveis por geração de empregos e pela movimentação da economia goiana. “O agronegócio é um setor que sempre foi orgulho para Goiás, que é o sustentáculo da economia, da geração de empregos, de um povo que orgulha o nosso Goiás perante o cenário nacional”, afirma Caiado.

Parcerias

Para a implantação do Batalhão e do Centro de Comando e Controle Rural, o Governo de Goiás contou com diversas parcerias. Entre elas estão o Fundo para o Desenvolvimento da Pecuária em Goiás (Fundepec) e a Federação da Agricultura e Pecuária de Goiás (Faeg), que disponibilizaram R$ 250 mil para a reforma do prédio que abriga o Centro e organizaram, junto aos produtores rurais, a compra e a doação de equipamentos à Polícia Militar do Estado de Goiás (PM-GO). Para a reforma do prédio, também houve outra doação: a mão de obra dos policiais militares, que dedicaram momentos de folga para a execução dos reparos.

Ação

A determinação do governador Ronaldo Caiado é de que sejam intensificados os esforços nas investigações de crimes realizados no campo, com objetivo de garantir a segurança, não só na cidade, como também na zona rural do Estado. Para essas ações, único limite imposto pelo Governo de Goiás é a legalidade.

Os frutos desse apoio do governador Ronaldo Caiado às forças policiais já estão sendo colhidos. Em maio, por exemplo, a Polícia Civil apresentou uma operação que resultou na desarticulação de associação criminosa especializada em roubo de gado na região Sul do Estado. Dez suspeitos foram presos. Dos 50 animais roubados, 36 foram recuperados. A operação foi realizada pela Delegacia de Goiatuba, com apoio da Delegacia de Pontalina.